segunda-feira, 1 de abril de 2013

SAUDADES MINHA FILHA






Se um dia olhar para o céu e não te ver, é que sou a onda do mar e não consigo te esqueçer, sou feliz do teu lado sem do seu lado estar, pois vc é isolado no meu modo de pensar, quando estou triste e não tem solução, lembro que vc existe e mora no meu corção!

SAUDADES MINHA FILHA..

Carlos Drummond de Andrade








Refletem-nos as ondas do mar...
Calmaria... Paz na alma.
Faz nosso coração...
Viver profunda calma.
Faz nossa mente refletir...
E mentalizar versos...
Que se transformam em canção.
Canção do mar!!!
Canção para amar!!!
Até para chorar... De felicidade.
Nosso coração se enche de saudade.
Remete nossa alma...
A procurar lembranças...
E rodopiamos...
Em majestosa dança...
Ao som da canção do mar...
Escrita em momento de emoção...
Provocada pela balançar...
Das ondas do oceano...
Que nas areias de terreno plano...
Chegam até nós a dançar.
O MEU AMOR POR VOCÊ É IGUAL O

 MAR INFINITO... TE AMO MUITO.. MAMÃE


Nenhum comentário:

Postar um comentário